Utilizando ‘minicérebros’, grupo de pesquisadores de várias instituições mostrou que o DMT – presente no LSD, MDMA e ayahuasca – modifica cerca de mil proteínas no tecido neural, produzindo efeitos antidepressivos e anti-inflamatórios

Continue lendo