O vento sopra, a porteira balança, a boiada passa;
Ê boi; sigo laçando meu gado;
Os campos montanhosos, as nuvens de poeira; tudo faz parte do meu caminhar;
Ê boi; Continue lendo