Perguntado ao Cacique Pena Verde se os Exús estavam subordinados aos caboclos.
Todo aquele que recebe ordens está submetido a um procedimento hierárquico. No entanto, somos todos iguais.
Não se pode confundir posições de comando com níveis de evolução espiritual.

O que é direita?
É a qualidade energética ora trabalhada. Nada mais é do que uma energia mais sutil que há na Terra, nos seres humanos e também no astral.

O que é esquerda?
Esquerda é uma energia mais densa que a de direita, não se esquecendo que há muitas energias que estão entre uma e outra.
A energia sutil tem a função de tornar o mundo dos espíritos mais palpável, ao passo que a energia densa tem a finalidade de concentrar fluídos, unindo-os em justaposição.
O que é mais sutil tende a subir, enquanto o que é mais denso tende a descer.
Quem impulsiona a ascensão dos vossos corações é a energia de direita (sutil), enquanto que o que impulsiona as quedas em vossas vidas é a energia densa nos corações (esquerda).
Os guias de esquerda absorvem essas energias densas que prejudicam a circulação dos fluídos.

É certo dizer que todos os guias trabalham tanto na direita quanto na esquerda?
Não. É como o ácido. Não se pode manusear o material sem ter a ferramenta adequada.
Assim como a energia sutil é muito sensível a uns, a de esquerda é para outros.
Alguns de vocês poderiam viver em cidades com alto índice de poluição, e ainda assim se sentirem mal se fossem viver fora do agito de uma cidade grande. O modo de falar, de se comportar, as atividades e tudo o que há em uma grande metrópole é motivo de incômodo para aqueles que vivem em uma cidadezinha pacata.

Sendo assim, os guias de esquerda são os que mais trabalham?
Sim. Mas sob o comando de nossas orientações.

Por quê?
Aqueles que se encontram na luz podem ter uma visão mais expandida do todo.
Há vários modos de se diagnosticar um problema. Nós, pela faixa vibratória que atuamos, conseguimos uma visão de maior alcance, enquanto que os guias de esquerda são os executores de nossos projetos.

Poderia falar mais sobre a relação direita esquerda?
No princípio não havia essa divisão.
Os espíritos ora doutrinados por nós recebiam a incumbência de adentrar nos abismos das trevas, a fim de executar as atividades por nós determinadas.
Esses lugares são cheios de magnetismo pesado, o que é o oposto do nosso.
Nossos irmãos ainda em aprendizado, cujos quais não possuíam corpos muito sutis, faziam esse trabalho.
Já hoje em dia, há uma significativa divisão, de modo que os caboclos ocupam lugar de liderança, nas esferas espirituais, enquanto que os exús e pombagiras desenvolvem os trabalhos nas faixas vibratórias inferiores.

Dizem que exú é ex- caído. Isso é verdade?
Isso é uma falácia das mentes impressionadas com as imagens que veem. Cada um tem as suas cores, os seus lados, os seus apetrechos, etc. Se eles estivessem caídos, não levantariam as almas que lá resgatam.
Eles possuem afinidade com as esferas que permaneceram por muito tempo, mas não são todos. Não é uma regra.
Ninguém vive sempre na luz.
Os exus não anseiam se tornar caboclos, mas gostam de ser exus, e por isso são.

De onde surgiu o termo esquerda?
Para não associar com alto e embaixo. Todos estamos no mesmo patamar evolutivo. Todos nós nos encontramos próximos à Terra. Apenas as esferas são diferentes, mas não há mais ou menos adiantados.
As pessoas se impressionam com o comportamento apresentado pelos exus, nos terreiros. Mas esquecem que muito do que se vê é tão somente mistificação e cultura dos médiuns.